Priiiiiiiiiiiiiiiiiim.

Na verdade eu tinha vontade de gritar e colocar para fora todo o sentimento da eminente perda. Mas eu tentava, eu juro que eu tentava com todas  as minhas forças respirar, num ritmo não tão acelerado e tentar te convencer que não era bem assim, que não era para ir embora e fingir que nunca aconteceu. Pela primeira vez eu tinha medo de perder. A minha vontade era de sair correndo dali e gritar para todo mundo ouvir que eu não consigo viver sem você. Pode até ser exagero. Então eu tenho mesmo um amor exagerado, obcecado. Eu queria estancar o meu coração. As idéias estavam confusas na minha mente, eu não conseguia entender, ou melhor: aceitar tudo isso. Eu abri mão de tudo por você, para viver esse amor, eu me entreguei por completo, de uma maneira que jamais fiz antes. Eu mudei a minha cor de cabelo. Você não gostava de vermelho. As minhas roupas deixaram de ser tão curtas e detalhadas. Minhas unhas se tornaram pequenas e claramente rosas. A maquiagem era tom sobre tom, preto no branco. Mas nesse caso, nada de preto. E nisso tudo, eu também me perdi de mim. Eu me olhava no espelho e não reconhecia. Nada era familiar. A mudança era gritante. Ops, já tinha esquecido: nada de gritos. Ainda bem que o despertador marcava 06h45min da manhã. Acordei. Era só um pesadelo.

Anúncios

3 respostas para “Priiiiiiiiiiiiiiiiiim.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: